Director: Cónego Dr. Manuel Joaquim Geada Pinto

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Site-Sexta-Feira,22 de Março de 2013

ENTRAR NA PAIXÃO

O relato da Paixão ocupa um lugar considerável, quase desproporcionado, em cada um dos quatro Evangelhos. E a sua pormenorização prevalece sobre outras narrativas da vida pública de Jesus. Não se trata de pequenas perícopes encadeadas umas nas outras mas


O relato da Paixão ocupa um lugar considerável, quase desproporcionado, em cada um dos quatro Evangelhos. E a sua pormenorização prevalece sobre outras narrativas da vida pública de Jesus. Não se trata de pequenas perícopes encadeadas umas nas outras mas formam um grande conjunto articulado e coerente.
Que as horas dolorosas da vida de Jesus tenham ocupado, a este ponto, a memória e a atenção das primeiras comunidades cristãs até à manhã de Páscoa, é surpreendente. Isso indica que o pesadelo de Sexta-Feira Santa é uma página que não se pode virar apressadamente. A Ressurreição sai da própria Paixão. É bem o contrário de um final feliz. O cristianismo não é uma religião da evasão.
Cada evangelista lê os acontecimentos à sua maneira. Este Domingo traz-nos o ponto de vista de Lucas. Para ele, a relação do discípulo com o seu mestre está no centro. Ele é, assim, talvez o evangelista que nos convida mais a sentirmo-nos implicados na narrativa da Paixão. Qual é a miha atitude no momento (que dura até ao fim dos tempos, segundo Pascal)  em que Jesus, o inocente, sofre o jugamento e a condenação? Serei eu, por fim, o bom ou o mau ladrão? Acode-me a palavra do P. Lebret, inspirador da encíclica Populorum progressio: “Enquanto a cruz não estiver na minha pele como a armação que sustém tudo no nosso corpo (...) ainda não somos cristãos, plenamente inseridos em Cristo, porque, desejando a sua luz e a sua paz, recusamo-nos a segui-l’O no sofrimento que ele suportou por nós”.

Enviar a Amigo
Imprimir
Favoritos
Homepage

Terça-Feira,26 de Setembro de 2017

Pesquisa

Capa da edição em papel

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Copyright © 2010 Amigo da Verdade
Powered by Peakit